Cada Dia, o Ano Todo!
Junho
D S T Q Q S S
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

12 de junho Dia dos Namorados *oc
06 19 Corpo de Cristo oc
FOME de AMOR oc cs
05 11 E o pai com ISSO ? oc he
05 10 mãe requer PAI oc he
05 09 QUEM CUIDA ??? oc
Dentro.Fora da IGREJA oc
06 12 'paixonite' ACABA oc rfx
06 20 O que é CORPUS CHRISTI ? oc
05 08 ...Percepções diferentes* oc
VerddS : importa saber oc cs
07 de abril Hist oc
05.23 > Você é Responsável ! oc
é FERIADO oc
 



16a... O Livro de Jó

*Por tradição, a época do livro de Jó é a mais antiga dos livros da Bíblia.Gn 25.2
* Jó era descendente de Midiã, filho de Abraão com Quetura, após a morte de Sara.
*Os caminhos de Desu...
Por ter matado um egípcio, Moisés se refugiou na terra de Midiã, onde veio a se casar com a filha do sacerdote Jetro - ali havia os que temiam ao Senhor, Ex 2.15, 3.1. Supõe-se que Moisés ouviu contar a história de Jó, registrou-a, trazendo-a para Israel. O que importa é que Deus permitiu que o livro de Jó fizesse parte do Cânon Sagrado, acrescentando preciosas lições para todos os que o leram.
*A preciosidade está em revelar o contexto espiritual no qual a vida humana está inserido e sua influência nos acontecimentos, como somos advertidos em Efésios 6.12 - nossa luta não é contra carne e sangue mas principados... nas regiões celestes.
*A atuação de satanás aparece desmascarada em Jó 1.6-12, 2.3-6, Zac 3.1-2 [Dn 6.12-13, Jd 9]. Dizem que o motivo legal que possibilitou a atuação satânica está no cap 3.25 “o que eu temia me veio, o que receava me aconteceu.” Talvez por isso tantas vezes Deus nos adverte: “Não temas!' [365(?) vezes na Bíblia].

*Situações adversas revelam: 
  
Nossa resistência: fracos ou fortes? ' se te mostras fraco na angústia,
                                                      tua força será pequena' .Pv.....
- Quem somos  e  Q
uem são os que nos rodeiam.
*Além de tudo, Jó teve de conviver, e por muito tempo depois, com a esposa que achava melhor ele amaldiçoar a Deus e se matar - Jó 2.9, 42.13.
               # Você sabe “consolar como foi consolado por Deus?' 2 Co 1.4 
                                   # ou você é do time da esposa de Jó?
*A reação de Jó é natural. Mesmo tementes a Deus, ainda somos seres humanos. Interessante notar como Jó falava... toda a verdade sobre o que havia em seu coração. Também nós, “se andarmos na luz” 1 Jo 1.7 falando a verdade do íntimo,
            # Jo 3.21; Sl 51.6 'o sangue de Jesus nos purifica de todo pecado”.
*E os amigos de Jó, então? Louvável é que, quando todos se afastaram, eles se chegaram, se assentaram calados - talvez perplexos ante as circunstâncias. Todos temos nossos momentos de perplexidades! Precioso é que Deus não os omite nem ignora, nem acha sinal de fraqueza mas vem ao nosso encontro...
          ... como no caso de João Batista na prisão. Ele, arauto do Rei antes mesmo
          de ter sido gerado, lá na prisão, pensava - É Ele, ou virá outro? Imagina que
          conflitos João enfrentava para chegar a dizer uma coisa dessas? Também, ele
          não perdeu tempo: quando soube que Jesus estava na região, (certamente
          Jesus viera por  saber o que iria ocorrer)   # João mandou seus discípulos
          perguntar a Jesus...
*Outra vez, a verdade que estava em seu coração.
          - E o torturava Lc 7.19-28. * Na mesma hora, Jesus age: demonstra ser a
          Palavra de Deus confiável, e que Ele a faz se concretizar. Após mandar um 
          recado de admoestação,  # Jesus dá testemunho de João, o maior profeta.
          *
Em nossos momentos de perplexidade, lembremos que eles acontecem até 
            para que é 'o melhor...' , vamos falar a verdade do íntimo para Jesus, e
                           confiar que Deus faz o que diz em Sua Palavra.  #
*Bem... Lá estavam os amigos de Jó, perplexos com o que ouviam ele dizer. Então, começam a falar. Como nós, às vezes, basta abrir a boca para estragar tudo. Cada um, coberto de senso comum, desfia uma série de chavões condizentes com seu ponto de vista pessoal da situação, despejam críticas e acusações, dizendo a Jó o que ele deveria fazer. Conhecemos gente assim! Muitas vezes, nós mesmos agimos como eles. ”Arrotamos” sabedoria e auto suficiência pois não está doendo em nós. Misturamos esplendorosas revelações de Deus, com lugares comuns e um monte de “abobrinha”. E nos achamos “os donos da verdade”, cobertos de razão, pronunciando pomposos sermões.
Com tanto “sal e vinagre na ferida' o desespero de Jó só podia aumentar e ele cai na armadilha da auto-justificativa. Igualzinho a gente! Em meio a tudo isso, um tênue desejo de Jó: um árbitro 9.33 ... alguém que o ouça 31.35. Um brado desesperado de fé - Sei que meu Redentor vive, Jó 19.25.
*Um tênue desejo, um brado desesperado[?] de fé! Eis os fios que impedem a cana trilhada de se partir totalmente. E o Senhor não esmaga a cana trilhada!
                                     #  Is 42.3;  Mt 12.20.
*Enfim, silêncio! Então se manifesta Eliú que esperara para falar... 32.4-6 De onde surgiu esse quarto amigo? Ouvi dizer que poderia ser uma Teofania. Temos tantas opiniões sobre Deus, achamos isso e aquilo... Bom mesmo é quando Deus Se revela. Ele espera até nossos argumentos se esgotarem, até nossos lábios se calarem... Ele espera. Não fala por cima de nossas vozes.
O Senhor está no seu santo templo, Cale-se diante dEle toda a terra Hc 2.20 Quando nos calamos, podemos ouvir o que Ele tem a dizer. E é maravilhoso! Nossa reação só pode ser igual à de Jó - Eu Te conhecia só de ouvir. Agora, meus olhos Te vêem. Por isso me abomino e me arrependo no pó e na cinza. Jó 42.2-6.
             A benignidade de Deus conduz ao arrependimento, Rm 2.4
*A seguir, mais princípios importantes: O Senhor virou o cativeiro de Jó quando orava pelos seus amigos. É o Senhor quem tira do cativeiro [não foram as declarações, jejuns, campanhas de Jó]... Também, Jó não esperou ficar restaurado, mas orou, intercedeu pelos amigos ainda “na pior”. Pela intervenção do Senhor nas regiões celestes, houve libertação para Jó, mudança de atitude nas pessoas.
                                   # Restauração e restituição.
*O Senhor tem poder para nos alegrar pelos anos em que fomos entristecidos...  
                 # Restituir os anos que a locusta comeu Sl 90.15; Joel 2.25.
                                     # Louvado seja Deus, Ele é Maravilhoso! #








Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2018 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.