Cada Dia, o Ano Todo!
Novembro
D S T Q Q S S
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

10.31 oc...Reforma
08 25 QUEM é O INIMIGO? oc Rv
11. 01 Quem são os santos ? oc...
11. 02 Oc..Dia dos Mortos
10.29 oc...Reforma e Apocalipse
09 07 Independência oc
09 21 Primavera * oc
10.15 ...* Deus que ensina oc
11.01 Oc...Idolatria,Hist
11.01 Oc_ Origem do dia dos Mortos
* 07 20 Homem na Lua oc
11.14 ..cristão tem ídolos? oc
10.31 oc ...Esclarecendo
Dentro.Fora da IGREJA oc
10.23...* Dia do aviador, d.e
10.29 ...Dia do Livro, d.e
10.30 Oc...Cinco 'Solas' ...
...Eleições, prs
09 06 Saber o passado oc
10.23 Oc...* Leis da Aerodinâmica
09 16 Camada de Ozonio *oc
07 de abril Hist oc
09 11 Atitude na tragédia*
10 09 dia da criança oc
10.12 APARECIDA oc
10 22 Deus Criador oc
10. 27 Como surgiu o livro oc
11.09 Pré Festas oc
é FERIADO oc
09.01 ESPERANÇA oc
09.02 ORGANIZAR FAZ BEM oc
O Tempo não existe oc
Termine bem o ano oc
 



TEMPO: AMIGO ou INIMIGO? %

XX

MANÁ DA SEGUNDA

www.cbmc.org.br

http://www.facebook.com/groups/CBMCBRASIL

https://soundcloud.com/cbmcbrasil

29 de outubro de 2018

Vinte e um anos servindo às comunidades empresarial e profissional


Tempo: Amigo ou Inimigo?

Por Robert J. Tamasy

 

No mundo empresarial e profissional, bem como em outras áreas da vida, o tempo tem um quê de paradoxo. Quando enfrentamos um prazo final inflexível, o tempo parece se mover com incrível rapidez, fazendo subir nosso nível de estresse. Porém, quando estamos esperando ansiosamente por uma importante decisão, talvez uma promoção ou a resposta de um cliente potencial sobre a assinatura ou não de um contrato, o compasso do tempo parece diminuir significativamente. 

 

Durante recente viagem à Itália, observei o que ocorre em grande parte da Europa. Os negócios, inclusive o varejo e restaurantes, geralmente fecham logo depois do horário do almoço, permitindo que as pessoas descansem e se revigorem. É comum que pessoas tirem diversas semanas, até mesmo um mês, de férias durante os meses de verão. 

 

Americanos, em contrapartida, parecem escravizados pelo tempo. Relutam em tirar férias, com medo que um concorrente conquiste alguma vantagem ou, talvez, seu líder encontre outro para ocupar sua posição enquanto estiver fora. Trabalhadores engolem o almoço na mesa de trabalho, temendo atrasar as demandas de seu emprego. 

 

Semanas atrás passei por nova cirurgia, que me apresentou perspectiva diferente a respeito do tempo. Feita para substituir uma válvula da aorta, foi realizada por um procedimento menos invasivo que a cirurgia de tórax aberto há 12 anos. Assim, a recuperação foi muito mais fácil e rápida, mas a seriedade da operação ajudou a colocar as coisas em perspectiva. 

 

Do ponto de vista do trabalho, a atividade que desempenho, embora acredite que seja importante, poderia facilmente ser feita por outra pessoa, caso eu não estivesse mais apto a desenvolvê-la. Algumas das coisas que faço eu simplesmente poderia não fazer mais e pronto. Mas do ponto de vista dos relacionamentos que mantenho, com minha esposa, filhos, netos, amigos e com aqueles com quem me encontro para mentoreado, é onde minha ausência seria mais sentida. 

 

A questão é: daqui para a frente, onde meu tempo será melhor investido? Não querendo dizer que eu deveria deixar de fazer o trabalho que aprecio e sinto que fui vocacionado para fazer, mas não às custas do tempo que eu deveria estar passando com as pessoas importantes da minha vida. 

 

A Bíblia nos adverte a “remir o tempo, porquanto os dias são maus” (Efésios 5:16). Isso não quer dizer que o tempo seja inerentemente mau, mas a passagem do tempo continua inexorável, quer tentemos usá-lo com inteligência ou não. Recordo das aulas sobre gerenciamento do tempo a que assisti anos atrás. Na verdade, “gerenciamento do tempo” é uma designação errônea, já que não podemos gerenciá-lo. Não podemos colocá-lo em um cofre ou unidade de armazenamento para uso futuro. Não se trata de mercadoria que podemos preservar; só o que podemos é decidir utilizá-lo o mais eficiente e significativamente possível. 

 

Outra passagem bíblica sobre o tempo, Eclesiastes 3:1-18, apresenta a seguinte perspectiva: “Para tudo há uma ocasião certa; há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu.” Para mim, isso significa que há tempo para focar minha atenção e energia para atender prazos fatais críticos, mas que também há tempo para estar com minha família, praticar passatempos preferidos, ou simplesmente procurar me restaurar física, mental e espiritualmente. Como alguém disse, é pouco provável que em seu leito de morte alguém tenha expressado seu arrependimento: “Eu gostaria de ter passado mais tempo no trabalho.”

Próxima semana tem mais!


Robert J. Tamasy, é jornalista, editor e escritor, e autor de 'Business at Its Best: Timeless Wisdom from Proverbs for Today's Workplace' e 'Tufting Legacies' (ainda não traduzidos para o português). Em co-autoria com David A. Stoddard escreveu 'The heart of Mentoring' e tem editado numerosos outros livros, incluindo 'Advancing Through Adversity', por Mike Landry. Tamasy mantém um site www.bobtamasy-readywriterink.com e um blog atualizados semanalmente www.bobtamasy.blogspot.com. Tradução de Mércia Padovani. Revisão de Juan Nieto (jcnieto20@gmail.com).


MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando Business e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2018 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL -  E-mail: adm.mana@cbmc.org.br -Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, inglês, italiano e japonês.

 

Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie um e-mail para adm.mana@cbmc.org.br, escreendo REMOVER no campo 'assunto'.


Questões Para Reflexão ou Discussão   

 

1. Você acha que o tempo passa velozmente algumas vezes, e outras parece se arrastar? Por que isso acontece?

2. Você já tinha pensado na ironia de se estudar “gerenciamento do tempo”, quando ele não pode ser administrado ou controlado?

3. Onde você falha em termos de filosofia do tempo? Você aproveita e folga no trabalho quando tem oportunidade, descansando e se revigorando? Ou você encara o tempo como um inimigo, determinado a realizar o máximo de trabalho e atividade em cada minuto que passa acordado? Em qualquer dos casos, o que o motiva?

4. Como – se é que poderia – você faria para “remir o tempo” mais eficazmente?

Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Provérbios 23:4-5; Eclesiastes 3:1-18; Gálatas 6:10; Colossenses 4:5-6.

 


MANÁ DA SEGUNDA

www.cbmc.org.br

http://www.facebook.com/groups/CBMCBRASIL

https://soundcloud.com/cbmcbrasil

29 de outubro de 2018

Vinte e um anos servindo às comunidades empresarial e profissional


Tempo: Amigo ou Inimigo?

Por Robert J. Tamasy

 

No mundo empresarial e profissional, bem como em outras áreas da vida, o tempo tem um quê de paradoxo. Quando enfrentamos um prazo final inflexível, o tempo parece se mover com incrível rapidez, fazendo subir nosso nível de estresse. Porém, quando estamos esperando ansiosamente por uma importante decisão, talvez uma promoção ou a resposta de um cliente potencial sobre a assinatura ou não de um contrato, o compasso do tempo parece diminuir significativamente. 

 

Durante recente viagem à Itália, observei o que ocorre em grande parte da Europa. Os negócios, inclusive o varejo e restaurantes, geralmente fecham logo depois do horário do almoço, permitindo que as pessoas descansem e se revigorem. É comum que pessoas tirem diversas semanas, até mesmo um mês, de férias durante os meses de verão. 

 

Americanos, em contrapartida, parecem escravizados pelo tempo. Relutam em tirar férias, com medo que um concorrente conquiste alguma vantagem ou, talvez, seu líder encontre outro para ocupar sua posição enquanto estiver fora. Trabalhadores engolem o almoço na mesa de trabalho, temendo atrasar as demandas de seu emprego. 

 

Semanas atrás passei por nova cirurgia, que me apresentou perspectiva diferente a respeito do tempo. Feita para substituir uma válvula da aorta, foi realizada por um procedimento menos invasivo que a cirurgia de tórax aberto há 12 anos. Assim, a recuperação foi muito mais fácil e rápida, mas a seriedade da operação ajudou a colocar as coisas em perspectiva. 

 

Do ponto de vista do trabalho, a atividade que desempenho, embora acredite que seja importante, poderia facilmente ser feita por outra pessoa, caso eu não estivesse mais apto a desenvolvê-la. Algumas das coisas que faço eu simplesmente poderia não fazer mais e pronto. Mas do ponto de vista dos relacionamentos que mantenho, com minha esposa, filhos, netos, amigos e com aqueles com quem me encontro para mentoreado, é onde minha ausência seria mais sentida. 

 

A questão é: daqui para a frente, onde meu tempo será melhor investido? Não querendo dizer que eu deveria deixar de fazer o trabalho que aprecio e sinto que fui vocacionado para fazer, mas não às custas do tempo que eu deveria estar passando com as pessoas importantes da minha vida. 

 

A Bíblia nos adverte a “remir o tempo, porquanto os dias são maus” (Efésios 5:16). Isso não quer dizer que o tempo seja inerentemente mau, mas a passagem do tempo continua inexorável, quer tentemos usá-lo com inteligência ou não. Recordo das aulas sobre gerenciamento do tempo a que assisti anos atrás. Na verdade, “gerenciamento do tempo” é uma designação errônea, já que não podemos gerenciá-lo. Não podemos colocá-lo em um cofre ou unidade de armazenamento para uso futuro. Não se trata de mercadoria que podemos preservar; só o que podemos é decidir utilizá-lo o mais eficiente e significativamente possível. 

 

Outra passagem bíblica sobre o tempo, Eclesiastes 3:1-18, apresenta a seguinte perspectiva: “Para tudo há uma ocasião certa; há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu.” Para mim, isso significa que há tempo para focar minha atenção e energia para atender prazos fatais críticos, mas que também há tempo para estar com minha família, praticar passatempos preferidos, ou simplesmente procurar me restaurar física, mental e espiritualmente. Como alguém disse, é pouco provável que em seu leito de morte alguém tenha expressado seu arrependimento: “Eu gostaria de ter passado mais tempo no trabalho.”

Próxima semana tem mais!


Robert J. Tamasy, é jornalista, editor e escritor, e autor de 'Business at Its Best: Timeless Wisdom from Proverbs for Today's Workplace' e 'Tufting Legacies' (ainda não traduzidos para o português). Em co-autoria com David A. Stoddard escreveu 'The heart of Mentoring' e tem editado numerosos outros livros, incluindo 'Advancing Through Adversity', por Mike Landry. Tamasy mantém um site www.bobtamasy-readywriterink.com e um blog atualizados semanalmente www.bobtamasy.blogspot.com. Tradução de Mércia Padovani. Revisão de Juan Nieto (jcnieto20@gmail.com).


MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Conectando Business e Mercado a Cristo, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2018 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL -  E-mail: adm.mana@cbmc.org.br -Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, inglês, italiano e japonês.

 

Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie um e-mail para adm.mana@cbmc.org.br, escreendo REMOVER no campo 'assunto'.


Questões Para Reflexão ou Discussão   

 

1. Você acha que o tempo passa velozmente algumas vezes, e outras parece se arrastar? Por que isso acontece?

2. Você já tinha pensado na ironia de se estudar “gerenciamento do tempo”, quando ele não pode ser administrado ou controlado?

3. Onde você falha em termos de filosofia do tempo? Você aproveita e folga no trabalho quando tem oportunidade, descansando e se revigorando? Ou você encara o tempo como um inimigo, determinado a realizar o máximo de trabalho e atividade em cada minuto que passa acordado? Em qualquer dos casos, o que o motiva?

4. Como – se é que poderia – você faria para “remir o tempo” mais eficazmente?

Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Provérbios 23:4-5; Eclesiastes 3:1-18; Gálatas 6:10; Colossenses 4:5-6.

 









Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2018 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.