Cada Dia, o Ano Todo!
Maio
D S T Q Q S S
     12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31      
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

05 13 LIVRES por Jesus ! oc
05 01 Dia do Trabalho oc
05 02 sobre o Trabalho oc rfx
05 13 Abolição oc
05 15 Efeitos da libertação oc rfx
Dentro.Fora da IGREJA oc
05 04 Mãe, que presente quer ? oc
1+ 1 = 1 ? * oc rfx
07 de abril Hist oc
é FERIADO oc
*Devocionais de janeiro oc
uma cançãopara amenizar
 



- P'ra já.. ou - A longo prazo? %

MANÁ DA SEGUNDA www.cbmc.org.br

                                                       http://www.facebook.com/groups/CBMCBRASIL

                                                               https://manadasegunda.podbean.com/

27 de abril de 2020

Vinte e um anos servindo às comunidades empresarial e profissional


Gratificação Imediata ou Ganho no Longo Prazo

Por Ken Korkow

 

Olhando para trás em minha vida, vejo muitas vezes em que eu queria tudo. E na maioria dessas ocasiões, eu queria “aquilo” – fosse lá o que fosse – e queria pra JÁ! Assim, eu me mantinha focado, concentrando e dedicando todo o meu tempo e energia para alcançar o que eu queria. Eu me esforcei – e me esforcei muito. Grande parte das vezes obtive o que queria. Mas o que eu não obtive foi paz, satisfação ou contentamento. Descobri que a gratificação instantânea chegou – e se foi – rapidamente, deixando-me para que eu decidisse qual “querer” viria a seguir.

 

E quanto a você? Está feliz, satisfeito onde está e com o que tem? Ou está sempre lutando em busca da próxima coisa, determinado a gratificar seja qual for o objetivo que ocupe sua mente no momento?

 

Há uma alternativa, sabe? Nós temos uma opção – uma escolha pessoal. Em lugar de procurar encontrar uma gratificação imediata para nossos desejos, sejam eles pessoais ou profissionais, podemos investir nosso tempo, talentos e riquezas para alcançar coisas que realmente importam no longo prazo.

 

Por exemplo: gastei um par de anos e milhares de dólares para obter uma pós-graduação em negócios, porque na ocasião achei que isso era importante, até mesmo essencial, para o sucesso profissional. Porém, muitos anos depois, me dei conta de que teria avançado mais se tivesse investido a mesma quantidade de tempo e esforço buscando na Bíblia a sabedoria de Deus acerca do dinheiro, negócios e relacionamentos, coisas que eu erroneamente acreditei que poderiam ser obtidas com um diploma universitário.

 

Eu também gastei muito tempo sendo materialista: comprando coisas que eu não precisava, com o dinheiro que eu não tinha, para impressionar pessoas que não importavam. Se eu apenas tivesse aprendido mais cedo o que Jesus Cristo disse sobre a futilidade de ir atrás do dinheiro e as coisas tangíveis que ele pode comprar. No que foi chamado de Seu “Sermão da Montanha,” Jesus disse:

“Não acumulem para vocês tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem destroem, e onde os ladrões arrombam e furtam. Mas acumulem para vocês tesouros nos céus, onde a traça e a ferrugem não destroem, e onde os ladrões não arrombam e nem furtam. Pois onde estiver o seu tesouro, aí também estará o seu coração.” (Mateus 6:19-21).

 

Sim, hoje sinto pena de mim e lamento pelos meus esforços, tempo e dinheiro desperdiçados. Entretanto, como se diz, isso são “águas passadas”. O tempo e os recursos passaram. O que posso fazer é redirecionar meu tempo e energia e redefinir minhas prioridades. Sendo assim, agora procuro investir o meu “horário nobre” – as melhores horas de cada dia – procurando conhecer Cristo intimamente, edificando o meu relacionamento com Ele, lendo as Escrituras e orando, vivendo para Ele de forma mais intencional.

 

Dinheiro, mesmo que você tenha muito dele, pode desaparecer rapidamente. Mesmo as pessoas mais ricas que já conheci – e conheci um monte delas – descobriram que o valor do dinheiro é muito superestimado. Eu não posso comprar felicidade, paz, contentamento ou realização. Ele pode proporcionar divertimento, mas isso é temporário – coisas que adquirimos, mesmo que sejam novinhas quando as obtemos, por fim se tornarão velhas, danificadas ou gastas.

 

Por outro lado, o TEMPO pode nos trazer todas essas coisas – isso só depende da forma como o utilizamos. O tempo é o nosso bem mais essencial, e o seu relógio (e o meu) bate rapidamente. Quando consideramos o quanto a nossa vida sobre a terra é curta, torna-se importante ter consciência de que a forma como vivemos AGORA nos prepara para a ETERNIDADE.

 

Todos os dias nos confrontamos com escolhas – gratificações instantâneas ou ganhos a longo prazo. Qual você vai escolher? Como as decisões que você toma hoje irão afetar a qualidade da sua eternidade?

 

Próxima semana tem mais!


Questões Para Reflexão ou Discussão

1. Como você define gratificação instantânea? Como geralmente você a vê sendo demonstrada, em sua vida ou na de outras pessoas?

2. Em sua opinião, quais são as armadilhas do impulso por gratificação instantânea? Quais os benefícios, se é que existem, da atitude do tipo “Eu quero isso – e quero AGORA!”?

3. Em comparação, quais seriam os benefícios de se focar nos ganhos de longo prazo? Quais seriam as armadilhas dessa abordagem?

4. O autor deste “Maná” nos pergunta de que forma as decisões que tomamos hoje afetarão a qualidade da nossa eternidade. Que lhe vem à mente ao ler isso? Você acredita que decisões diárias podem ter um impacto eterno? Por quê?

Nota: Desejando considerar outras passagens da Bíblia relacionadas ao tema, sugerimos: Provérbios 22:4; Mateus 6:33; 16:24; Lucas 14:28; 16:11; I Coríntios 15:58; Gálatas 6:9.

 

- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

 

Artigo de autoria de Ken Korkow, que mora em Omaha, Nebraska, U.S.A., onde ele serve como Diretor do CBMC. Adaptado de “Fax of Life” (Fax da Vida), coluna que ele escreve semanalmente. Usado com a devida permissão. Tradução de Mércia Padovani. Revisão e adaptação de Juan Nieto.


MANÁ DA SEGUNDA® é uma reflexão semanal do CBMC - Connecting Business and Marketplace to Christ, organização mundial, sem fins lucrativos e vínculo religioso, fundada em 1930, com o propósito de compartilhar o Evangelho de Jesus Cristo com a comunidade profissional e empresarial. © 2018 - DIREITOS RESERVADOS PARA CBMC BRASIL - E-mail:adm.mana@cbmc.org.br -Desejável distribuição gratuita na íntegra. Reprodução requer prévia autorização. Disponível também em alemão, espanhol, inglês, italiano e japonês. Somos contra o SPAM na rede e em favor do direito à privacidade. Esta mensagem não é considerada SPAM, pois o remetente está identificado, o conteúdo claramente descrito e com a opção de exclusão de seu e-mail. Para exclusão do seu nome de nossa lista de mailing , por favor, envie e-mail para adm.mana@cbmc.org.br escrevendo 'REMOVER' no campo de assunto.








Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2020 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.