Cada Dia, o Ano Todo!
Agosto
D S T Q Q S S
   1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031 
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

08 04 Ser Pai ! oc
07 09 Constituinte oc
07 09 Dever de consci~ oc
* 07 20 Homem na Lua oc
08 07 Elo entre gerações oc he
Dentro.Fora da IGREJA oc
07 10* Dia da Pizza oc
08 03 * COMEMORAÇÕES oc
07 de abril Hist oc
08 01 sobre o SELO ...oc
é FERIADO oc
dia dos avós
 



3.03...Máximo partido she


Vida  Melhor  3     Tirando o máximo partido.

É ATITUDE – O que faz quando chuva torrencial estraga um pic-nic, com as coisas gotosas já na sacola?

Tirar o máximo partido poderia significar: Inventar brincadeira de salão, colocar a toalha sobre o tapete da sala e comerem sentados no chão, terminar o dia com joguinho de palavras e panquecas para o lanche.

Veja bem: antes de inventar qualquer coisa esteja sensível à disposição dos outros. Há mulheres que, entusiasmadas com tais conceitos, dão guinadas de 360º no seu comportamento, pegando todos os membros de sua família de surpresa, mas não estão no mesmo espírito, e acabam se frustrando, ficando 'pior a emenda do que o soneto'.

TRANSTORNOS COM MARIDO E FILHOS, requerem da mulher coragem estóica, quase teimosia, para não desistir sucumbida ante ao desânimo.

É possível deixar emprego de que não gosta, mas cada vez que surgir um problema vai trocar de família? (é o que alguns têm feito ultimamente).

*Há mulheres que vivem situações realmente sérias e até desesperadoras. O que fazer para sair dessa?

*O autor conta o caso de duas mulheres: como uma conseguiu superar, e de outra que não conseguiu.

Coragem estóica faz toda a diferença.  Ambas estavam mergulhadas no desespero, na auto- piedade, sentindo-se injustiçadas, vítimas das circunstâncias da vida.

Geraldine enfrentava transtornos mas evidentes e que contava com a simpatia dos outros: o marido bebia e não parava em emprego algum.

Henrieta vivia em ambiente de menosprezo, agressão verbal e abandono emocional, SITUAÇÃO, igualmente insuportável porém menos visível aos observadores (alguns até a culpavam pela atitude do marido, que na realidade era a incapacidade dele de lidar com as qualidades da esposa

*Um casamento bem sucedido deveria ser o sonho principal de qualquer pessoa 'todo sucesso do mundo não compensa o fracasso no lar 'ouvi à muitos anos atrás. Mas a sociedade não vê assim: espera-se que o homem seja bem sucedido na profissão e a mulher seja bem sucedida no lar (hoje há dupla obrigação de sucesso para a mulher).

*Tirar o máximo partido requer coragem, inclusive a coragem de lidar com sua própria imaturidade.

*Duas situações – duas mulheres: uma consegue saída, outra, não.

   a)Geraldine: Transtorno do marido: - Desemprego e bebida.

                          # Obvio aos outros – compreensão dos demais.

    b)Henrieta: Transtorno do marido: - Ditador, critico, absorvente, terrível para a esposa – incompreensão

                                                (acusação) dos outros

O que fazer? É mais fácil aconselhar, do que seguir o conselho, no caso: tire o máximo partido da situação!

Como? Seria necessária muita coragem. Mas, pior seria deixar-se afundar cada vez mais...

Cada ser humano foi dotado de coragem para superar as dificuldades da vida (e nos primórdios da civilização as calamidades físicas eram piores: guerras, doenças, pragas. Hoje há muito mais recursos tecnológicos em toda as áreas). Tem capacidade para ser 'Magnificentes – isto é, capacidade de continuar a lutar, através de obstáculos desencorajou e aparentemente irremediáveis, contando apenas com as compensações' que cada um cria para si (pg.75). Há milhões de mulheres nestas situações, ou piores. A presente necessidade de continuar é que as faz criar a coragem necessária para persistiram na busca de soluções vencíveis aos seus problemas, em outras palavras: Coragem para continuar vivendo, apesar das circunstâncias.

1- Primeiro  passo: ser realista, considerar os fatos. Queixumes só pioram a situação, não levam a nada.

    Segundo passo: Pare de se lamentar.

    Teceiro  passo:  Decida fazer alguma coisa boa, naquela situação.

Como Geraldine se saiu?

1o )  .Foi realista:  considerem a situação em si, não o que achava dela, nem suas expectativas frustradas Considerou as possibilidades que possuía, não as ideais ( o que tem na mão? O que tem em casa? Com essas perguntas deus realizou milagres nas situações de pessoas que, de outra forma, estariam 'estressadas' vivas). 'Por pequena que seja uma modificação no modo de pensar de alguém, tal coisa pode produzir diferença tremenda na sua forma de viver'.

2o )  Parou de se lamentar: intencionalmente vigiava suas palavras e atitudes. Começou a agradecer quando tinha a inclinação natural de reclamar. Começou a perceber que havia muito que ser grata: saúde, inteligência, filhos, a possibilidade de não deixar afundar, derrotar pelas circunstâncias. Sua atitude influi nos filhos.

3o ) Decidiu estabelecer uma série de projetos para sua vida e a dos filhos: procurou saber sobre o que a cidade oferecia gratuitamente e começou a participar e a levar os filhos.

       Ter de sair fez com que se animasse a
 a)  Terminar rapidamente as tarefas domésticas.

 b)  Cuidar de sua aparência: trocar de roupa, pentear os cabelos.

3.Criou coragem para arranjar um emprego – qualquer um que aparecesse, que fosse honesto e digno para conseguir algum dinheiro: começou lavando e passando roupa para fora, o que a possibilitou a aprender datilografia (o livro é antigo, a situação era outro A medida que os filhos cresciam dava-lhes responsabilidades no serviço doméstico. Quando já eram adolescentes foi possível obter emprego como datilógrafa em tempo integral, o que dobrou o salário do emprego de meio período.

Durante esse tempo, animou-se a arrumar melhor a casa e percebeu quanto se pode fazer com algum capricho, e muito pouco material (até aproveitar o que antes jogava fora _ hoje se diria, reciclar).

O interesse por espetáculos culturais gratuitos fez melhorar o nível do conhecimento dos filhos que começaram a ir melhor nos estudos.

Os problemas com o marido continuam, mas já não ocupam todo panorama da vida dela; havia outras coisas mais importantes e construtivas para se ocupar.

Conclusão: Essa guinada na vida dela e dos filhos teve início quando houve a 'modificação em sua atitude de auto-piedade para uma de coragem, de fazer algo do nada'.

 

Henrieta  não encontrou a saída. Nunca achou o momento para dar a volta em sua atitude de auto piedade. Foi ficando cada vez mais emaranhada, cada vez mais se sentindo injustiçada, tornando-se amarga e vingativa, o que piorava ainda mais a sua situação.'Nada de bom saiu dali, pois  nada  ela pôs de bom ali.'

                           # ATENÇÃO, queixsos crônicos!

Há pessoas, com queixumes crônicos, que reclamam de tudo, sempre. Na vida, não existe situação perfeita e o ideal é utopia (Jesus ensinou: no mundo tereis aflições....).Muito me ajuda pensar na frase que coloquei na porta da geladeira, há tempos atrás:

   NADA AlTERA O FATO, SUA ATITUDE É QUE FAZ DIFERENÇA'.

 

*Falta de coragem leva à depressão

  *Homens de Deus, na Bíblia, tiveram seus momentos de depressão: é reação natural.

  (Com Deus, esses momentos foram tratados e eles saíram fortalecidos, tendo mais experiência com Deus, podendo ser ajuda para outros, inclusive a nós, ainda hoje).

Pela Bíblia, tudo começa com a atitude de não se deixar derrotar. Aí, Deus intervém e leva à vitória.

'(Esforçai-vos) Anima-te e Ele fortalecerá o vosso coração'. Sl 27.14corr

_'Diga ao fraco, sê forte'.

_'Não vos sobreveio tentação acima de vossas forças'.

_'Junto com a tentação virá o escape'.

*Um último conselho: dê encorajamento a outros e pare de se preocupar só com você.

_Deus mudou o cativeiro de Jó, quando este orou por seus inimigos. Jô 42.

 

Conversar com mulheres que ficaram paralisadas resultam, em ter dicas quanto à:-

a) - Coragem para fazer o que se deve.

b) - Coragem para fazer o melhor com o que se tem.

c) - Para aceitar o inevitável.   pg 87

 







Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2018 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.