Cada Dia, o Ano Todo!
Setembro
D S T Q Q S S
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

08 25 QUEM é O INIMIGO? oc Rv
09 07 Independência oc
09 21 Primavera * oc
* 07 20 Homem na Lua oc
Dentro.Fora da IGREJA oc
09 06 Saber o passado oc
09 16 Camada de Ozonio *oc
07 de abril Hist oc
09 11 Atitude na tragédia*
é FERIADO oc
09.01 ESPERANÇA oc
09.02 ORGANIZAR FAZ BEM oc
 



Cada Dia, o Ano Todo

16 de Fevereiro de 2018

xx 16 fev 2018      3o dia da quaresma 

A cruz 2 :   FIM do poder da Morte sobre o salvo    

  visto como os filhos são participantes comuns de carne e sangue, também ele (Jesus) semelhantemente participou das mesmas coisas, para que  pela morte derrotasse aquele que tinha o poder da morte, isto é, o Diabo;  e livrasse todos aqueles que, com medo da morte, estavam por toda a vida sujeitos à escravidão   Hb 2.14 -15 .   Por Sua morte e ressurreição, Jesus venceu o poder da  morte :  Eu sou o que vivo; fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre! e tenho as chaves da morte e do inferno’  Ap 1.18
       Obs: chaves  falam de autoridade , no caso, sobre a morte e sobre o inferno.  

A morte e o inferno não podem mais reter separados de Deus  todo o que crê e recebe  para si a morte substitutiva de  Jesus _’  ao qual Deus propôs como  propiciação , pela fé, no seu sangue,( derramado todo na cruz João 19.  34) para demonstração da sua justiça por ter ele na sua paciência, deixado de lado os delitos outrora cometidos’  Rm 3.25
 
Então, a cruz  representa  o fim  do poder e  conseqüente MEDO  da condenação do inferno e da morte ( = separação) eterna  de Deus . ALELUIA  ! 
  tendo despojado  os principados e potestades, publicamente os expôs ao desprezo ,  triunfou deles na cruz ‘Cl 2.15

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
Vemos, todavia, aquele que por um pouco foi feito menor do que os anjos, Jesus, coroado de honra e glória por ter sofrido a morte, para que, pela graça de Deus, em favor de todos, experimentasse a morte” (Hebreus 2:9-10)

Resumo: Morte é assunto complicado: a maioria teme a morte,  só uns desajustados  ou extremamente sofridos querem a morte. Morte é problema do homem  decaído , não do Deus Eterno. ‘O amor de Deus por nós foi tão exagerado, extravagante, que Ele se dispôs a experimentar a morte em Seu Filho – pela cruz’    # Os  salvos não precisam temer a morte pois ela foi  vencida na cruz : não tem mais o poder de   nos  manter  eternamente separados de Deus     À cruz,  seguiu-se a  RESSURREIÇÃO  DE   JESUS e a promessa do arrebatamento para os salvos.   ‘Jamais se viu ou se ouvir falar de um feito como este. Uma morte que semeia vida. Uma cruz de humilhação que produz exaltação e glória. Isso deve ser motivo suficiente para vivermos um tipo de vida que nunca se viu nem se ouviu falar. Sejamos gratos ao Deus Todo Poderoso que, por amor incondicional e incompreensível, se colocou em carne humana e se deu a morrer em nosso lugar. A Ele seja toda glória pelos séculos dos séculos.  “Senhor, muito obrigado pois, apesar de saber que meu corpo morrerá, eu estou livre da verdadeira morte pelo sacrifício de Jesus na cruz. Ensina-me a viver de modo digno desse presente.”    Mário Fernandez  (WWW.ichtus.com.br )  Ixts  03.12


xx 



Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2018 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.