Cada Dia, o Ano Todo!
Setembro
D S T Q Q S S
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30      
BUSCA:
  

Menu Principal

INICIANTES
    Evangelismo
    Principiantes
    Discipulado
    Discipulador
    Introdução à Bíblia
    Apostilas
AVANÇADO
    Homilética
    Hermenêutica
    Religiões
    Seitas
    Doutrinas
    História da Igreja
VIDA CRISTÃ
    Aos Cristãos em Geral
    Aconselhamento
    Minhas Pérolas
    Finanças
BÍBLIA
    As Escrituras
    VT - Diversos
    VT - História
    VT - Livros
    VT - Sinopse
    NT - Diversos
    NT - História
    NT - Livros
    NT - Sinopse
    Mapas
    Cronologias
    Provérbios
    Salmos
    Panorâmica
    Bíblia Toda em Um Ano
    Esquemas Mensais
ELES / ELAS
    Casais
    Homens
    Líderes
    Liderança
    Maná da Segunda
    Mulheres
    Dicas
    Receitas
EBD / EBF
MISSÕES
    Missões
    Missionários
    Diversos
DIVERSOS
    Hoje
    De a A a Z
    Folhetos
    Reflexões
    Eventos
    Dias Especiais
    Ocasiões
    Publicações

08 25 QUEM é O INIMIGO? oc Rv
09 07 Independência oc
09 21 Primavera * oc
* 07 20 Homem na Lua oc
Dentro.Fora da IGREJA oc
09 06 Saber o passado oc
09 16 Camada de Ozonio *oc
07 de abril Hist oc
09 11 Atitude na tragédia*
é FERIADO oc
09.01 ESPERANÇA oc
09.02 ORGANIZAR FAZ BEM oc
 



Cada Dia, o Ano Todo

17 de Março de 2018

17 de março xx        32 o. dia da quaresma

CRUZ 31   SEMENTE    Cruz  31  : semente

‘Em verdade, em verdade vos digo: Se o grão de trigo caindo na terra não morrer, fica ele só; mas se morrer, dá muito fruto’ ( João 12.24) Morrendo na cruz, Jesu foi a semente que gerou outras tantas vidas, que deram suas vidas e geraram outras tantas vidas, que deram suas vidas e... Assim, o cristianismo chegou até nós.   

Jesus explicou a dinâmica da cruz: Ele ‘caiu por terra’, entregou-Se à morte: na aparente derrota, deu Sua vida , ciente de que tipo e qualidade Sua vida iriam se reproduzindo através dos séculos da mesma forma que apenas um grão de trigo , semeado, se reproduz em muitos,
- que , semeados ( deixando-se ‘enterrar’, aceitando a cruz ) se reproduzem em muitos mais,
- que , semeados ( deixando-se ‘enterrar’ aceitando a cruz ) se reproduzem em muitos mais,
- que, semeados ( deixando-se ‘enterrar’ aceitando a cruz ) se reproduzem em muitos mais, até que Jesus venha nos buscar, nas nuvens, no arrebatamento ( 1 Ts 4.16-17)
* Possamos nós dar continuidade a essa ‘corrente de vida’ que brota da cruz , como brota o trigo, trazendo em si a continuidade da vida... não sendo ‘sementes encruadas’ cuja casca grossa não se deixa abrir, morrendo para si mesmo a fim de deixar surgir o broto de nova planta

 

 

zz




Pérolas.Preciosas - Copyright © 2005-2018 - Todos os direitos reservados ao autor
Permitido imprimir, tirar cópias e colocar em boletins informativos, desde que citando a fonte.